0

Entre o Agora e o Sempre

Entre o Agora e o Sempre
Título Original : The Edge of Always
J.A. Redmerski

"Querida Camryn,
Eu sei que você está com medo. Eu estaria mentindo se dissesse que não estou com um pouco de medo também, mas preciso acreditar que desta vez vai ficar tudo bem. E vai ficar.
Nós passamos por tanta coisa juntos. Mais do que a maioria das pessoas, em tão pouco tempo. Mas em qualquer situação, a única coisa que nunca mudou é que ainda estamos juntos. A morte não conseguiu me tirar de você. A fraqueza não conseguiu me fazer ver você de forma negativa. As drogas e as merdas que vêm com elas não conseguiram tirar você de mim, nem voltar você contra mim. Acho que podemos afirmar com toda a segurança que somos indestrutíveis."

Cam e Andrew estão mais juntos do que nunca mas o bebê não planejado torna as coisas um pouco diferentes.
Andrew está mais cuidadoso e Camryn preocupada com o que uma rotina calma e tranquila pode representar. Na verdade ela só não gostaria de ser como aqueles casais que nem se lembram mais por que estão casados. Ela se acostumou com a adrenalina da estrada, dos shows e se sente culpada por sentir falta de tudo isso quando na verdade deveria estar curtindo muito a gravidez.

Quando a vida lhe prega mais uma peça, Cam sai dos eixos. Ela se fecha e um tornado de emoções fica represado dentro de seu peito.
A vida não foi muito camarada com Camryn. Seu pai caiu no mundo, seu namorado morreu tragicamente, sua melhor amiga a traiu e seu irmão foi preso. O istigma da tragédia a perseguia e agora com Andrew era como se tudo estivesse suspenso e a qualquer momento algo ruim fosse acontecer. 
Andrew vê sua amada se autodestruir e usando a linguagem que eles entendem, resolve cair na estrada novamente. 

Um carro, os dois e a música. É assim que eles conseguem exorcisar os demônios e tocar a vida para sempre. Trabalhavam em pequenos empregos e ainda cantavam em bares a noite. Até que a estrada já não era mais suficiente. Eles queriam mais um do outro e a certeza de uma vida toda veio forte e certeira.

J.A. Redmerski nos mostra como tragédias podem abalar profundamente, mas também nos mostra como o amor pode curar.

O livro em uma palavra : morno

Como quem lê faz seu filme, eu senti que a J.A. Redmerski perdeu a mão. Senti falta da tensão do primeiro livro. Agora tudo me pareceu um pouco fora de foco. Eles queriam se casar, tiveram um bebê e depois tudo fica massante ao ponto de cair na estrada com um bebezinho ? Que mãe faria isso ?
Eu não me adaptei bem ao livro e por muitas vezes senti raiva dessa Camryn melodramática e insegura.
Andrew coitado, ralou bravamente para ter a amada por inteiro novamente.

A autora cita o Brasil como um possível destino e Andrew faz até uma aposta com Cam sobre usar um biquini minúsculo como o das garotas do Rio de Janeiro. Achei fofo !


Postar um comentário

Posts Recentes

© Quem Lê faz seu Filme - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO