0

Se Eu Ficar

Se Eu Ficar
Título Original : If I Stay
Gayle Forman
Editora Novo Conceito

" O papai trouxe a bateria de dentro de casa, Henry pegou sua guitarra no carro e Adam pegou o violão que estava no meu quarto.
Todos tocaram juntos e cantaram: músicas da banda do papai, outras da banda de Adam e músicas antigas do The Clash e do Wipers. Teddy ficou dançando pelo gramado, as chamas da fogueira iluminando os fios loiros do seu cabelo. Lembro-me de ter observado aquilo tudo, de ter tido uma sensação muito boa no peito e de ter pensado: Isso é que é felicidade. "

Mia desde pequena soube ser ela mesma. Nascida em uma família nada convencional onde o rock era parte da rotina, ela escolheu o violoncelo e a música clássica.
Uma quebra de paradigma que os pais aceitavam e apoiavam incondicionalmente.
Apoiavam inclusive o namoro de Mia com Adam, integrante de uma banda de rock em ascenção.
Quem se questionava muitas vezes era a própria Mia. Pensando inclusive se de fato ela não havia sido trocada na maternidade.
Não ! Não havia nenhuma troca, o que víamos era o destino pregando uma peça em uma família de roqueiros. Um  casal de filhos, a mais velha tocava violoncelo enquanto o menor, bateria.
Mas eles conseguiam encontrar harmonia em meio a gostos musicais tão diferentes. Eram unidos e muito engraçados juntos. Uma família onde a música que embalava os dias era o amor.

Mia e sua amiga Kim sempre pensavam que seriam aquelas que passariam muito tempo sem namorar, mas Adam fez esse pensamento ruir quando dentre todas as "it girls" escolheu justamente a nerd que gostava de música clássica e tocava violoncelo. Mais uma vez, os gostos musicais eram diferentes e o amor era o elo de ligação. Enquanto ele e a banda faziam cada vez mais shows e se tornavam conhecidos em outras cidades, Mia aguardava uma resposta positiva da escola Juilliard que dentre muitas outras era uma referência no gênero clássico.

Em um dia de nevasca, uma escolha errada muda esse cenário para sempre. Mia se vê desconectada do mundo, vendo sua vida passar como um filme e incapaz de fazer qualquer escolha.
Gayle Forman nos mostra através de uma trama muito simples que não somos nós que comandamos o destino. Nossas vidas são como castelos de areia. De repente bate um vento e puf : nada é mais como era antes.

O livro em uma palavra : tocante

Como quem lê faz seu filme, Se eu ficar encanta pelo sentimento, pelo sofrimento e principalmente pela escolha que a personagem principal, Mia, precisa fazer. O livro não tem nada de extraordinário, ao contrário, a simplicidade da trama é que o torna tão real e tão próximo dos leitores.
Podia ser a história de um parente ou de um vizinho e essa é a razão da conexão com os personagens acontecer tão fácil.
Um livro para se ler, pensar e refletir sobre como aproveitamos ao máximo os nossos momentos em família

Se eu ficar fez tanto sucesso nos EUA e por onde passou que já ganhou uma adaptação nos cinemas.
Vamos chorar um pouquinho com a Mia ?




Postar um comentário

Posts Recentes

© Quem Lê faz seu Filme - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO