0

Jardim de Inverno

Jardim de Inverno
Título Original :  Winter Garden
Kristin Hannah
Editora Novo Conceito

"- Mãe? - ela chamou, aproximando-se. - Você não deveria ficar aqui, está frio.
- Não está frio.
Nina percebeu a exaustão na voz da mãe e aquilo a fez pensar em como estava cansada, e como o dia havia sido terrível, e como seria péssimo o dia seguinte; por isso, ela se sentou ao lado da mãe.
Pelo que pareceu uma eternidade, nenhuma das duas disse nada. Por fim, Mamãe falou:
- Seu pai pensa que não posso lidar com a morte dele.
- E você pode? - Nina perguntou com simplicidade.
- Você ficaria surpresa com o que o coração humano pode suportar."

Muitas famílias escondem verdades, emoções e segredos. No caso das irmãs Whiston, isso era uma verdade assustadora.
Elas haviam desistido de qualquer aproximação com a mãe há muito tempo. Anya, a mãe, era fria como gelo e assustadoramente distante das filhas. Abraços, conversas e nenhum laço afetivo existia. Anya as mantinha limpas, alimentadas e aquecidas e só.

Já o pai era carinhoso por ele e pela mãe e sempre fazia questão de dizer que a mãe as amava muito, embora que a sua maneira.
Não foi fácil crescer assim e as irmãs  Meredith e Nina tinham marcas profundas causadas pelo afastamento da mãe. Meredith, era casada, mãe de duas filhas, cuidava da fazenda de maçãs da família e fazia questão de ser uma mãe bem diferente da dela. Enquanto mãe, tudo ia bem, mas seu casamento com Jeff estava desabando. Eles estavam cada vez mais distantes e isso estava criando um abismo enorme entre eles.
Já Nina encontrava na fotografia toda a sua realização. Estar na África ou no campo de guerra ou até mesmo não dormir em uma cama por meses eram coisas que faziam parte da vida dela. O importante era capturar a essência do problema e dos envolvidos. E essa vida louca não combinava com família , casa ou filhos. Ela tinha um namorado jornalista que também tinha uma vida parecida e assim eles iam vivendo um relacionamento de quatro anos que Nina não assumia nem mesmo para sua família.

Só que o pai adoece gravemente e pede a Nina que convença a mãe de contar o famoso Conto de Natal inteiro. Por trás desse pedido existe uma razão muito forte. Anya esconde segredos. Segredos que podem explicar o seu jeito duro de ser e toda a mágoa que ela guarda no coração.

Esquecendo toda a dificuldade de ter crescido com uma mãe emocionalmente distante, Meredith e Nina se rendem ao Conto de Natal.  E toda a insistência de Nina se transforma em verdade quando elas começam a perceber que aquele conto poderia facilmente ser a história de vida da mãe russa que se casou com o soldado americano.

Kristin Hannah mostra em Jardim de Inverno que nunca é tarde para fazer as pazes com o passado, perdoar as perdas e a si mesmo. Um drama familiar envolvente que nos retrata os horrores da segunda guerra mundial. A Rússia transformada em frio, neve, fome e morte. 

O livro em uma palavra : inesquecível

Como quem lê faz seu filme, eu preciso confessar que cai de amores pela escrita da autora e agora quero todos os livros dela :-) 
Jardim de Inverno me tocou profundamente e me fez pensar em como a nossa vida é boa sem os horrores da guerra. A tragédia de Anya é muito mais do que qualquer um poderia suportar. Ela se fecha, ela não se permite amar as filhas por medo de perdê-las, pelos traumas do passado e também como uma forma de punição às vezes. Anya é uma personagem extremamente complexa que desperta no leitor vários sentimentos durante o desenlace da trama. Ela é realmente inesquecível !

Jardim de Inverno é um livro daqueles que quando você termina fica um tempão pensando que tem gente que sofreu o que mal podemos imaginar. 
Para quem gosta de drama é o livro perfeito !

Postar um comentário

Posts Recentes

© Quem Lê faz seu Filme - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO