20

Desaparecidas

Desaparecidas
Chris Mooney
Editora Suma de Letras

Darby Marcomick e suas amigas Stacey e Melanie estavam curtindo no bosque de Belham. Umas cervejas teoricamente proibidas e fofocas corriqueiras.
O que elas nunca poderiam imaginar é que essa travessura iria mudar para sempre o rumo de suas v
idas.
Essas três adolescentes estavam no lugar errado , na hora errada e assim acabaram testemunhando um assassinato.
O assassino se aproveita do momento de desespero das meninas e consegue apanhar a carteira de motorista tem
porária de Darby com nome completo e endereço.
Darby morava com sua mãe pois seu pai havia morrido. A cumplicidade e a amizade entre mãe e filha eram muito fortes.
Sua mãe havia saído, Darby ainda sentia medo do homem do bosque. Algo dizia que não era a sua mãe entrando em casa antes do horário previsto.
Seu sexto sentido nunca esteve tão certo. Era mesmo o homem do bosque. Só que o destino ainda reservava uma terrível coincidência. Suas amigas Melanie e Stacey tocam a campainha bem na hora em que Darby tentava fugir do homem do bosque.
Darby sobreviveu mas Stacey fora morta ali mesmo e nunca mais se teve notícias de Melanie.

A culpa ou a vontade de impedir que coisas de tipo acontecessem novamente talvez tenham impulsionado Darby a estudar e entrar para o Departamento de Polícia de Boston.
Sua função era decifrar as cenas de crimes em busca de pistas.
Por mais que o crime que afetou sua adolescência tenha sido resolvido e o responsável jazia morto, o passado ainda a atormentava.

Mulheres continuavam desaparecendo. Não havia padrão.
Ao atender mais caso de sequestro, Darby se depara com uma sobrevivente que conseguiu fugir de seu sequestrador.
Apenas uma marca do solado de bota. Nenhuma digital.
A sobrevivente estava em estado crítico. Doente e psicótica, a pobrezinha vivia em um delírio profundo.
O assassino e sequestrador era cauteloso e planejava seus passos com muito cuidado mas a fugitiva o fez mudar seus planos. Ele parecia saber todos os passos do Departamento de Polícia.

De repente não era mais Darby seu parceiro Coop e o Departamento de Polícia. O FBI estava de olho no caso.
Tudo estava conectado ! O Viajante como foi apelidado vinha fugindo da polícia e sequestrando mulheres a muito tempo.
Encontrar esse monstro e salvar a última sequestrada para Darby era como uma reparação do que aconteceu em seu passado.
De repente , seu passado volta a tona e Darby poderia ser a próxima vítima !
Chris Mooney em seu primeiro volume da série entitulada Darby McCormick Novels nos enlouquece com as reviralvoltas e surpresas desse trilher policial. Com uma linguagem rica em termos e jargões dignos do seriado C.S.I , Desaparecidas prende o leitor do início ao fim.


O livro em uma palavra : emocionante

Como quem lê faz seu filme, eu vivi os traumas de Darby. Seu psicológico, sua culpa e o medo que a atormentava. A coragem de Darby me fez acreditar que a polícia de hoje precisava de pessoas assim.
Quanto ao assassino e seus feitos, o autor me envolveu demais apresentando o lado neurótico e calculista de um homem que apesar de vítima do destino, escolheu o lado negro para seguir. A maldade definitivamente não tem limite !
Esse romance policial é tão bem escrito que temos
novidades e reviravoltas até a última página do livro.
Recomendadíssimo !

Conheça os outros livros da série:
- THE MISSING - Lançado no Brasil como Desaparecidas
- THE SECRET FRIEND
- THE DEAD ROOM

Para conhecer mais sobre o autor e ficar por dentro dos últimos lançamentos, acesse :
http://www.chrismooneybooks.com/

E você ? Topa conhecer a policial Darby McCormick ?

Postar um comentário

Posts Recentes

© Quem Lê faz seu Filme - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO