11

Pobre não tem Sorte


Pobre não tem Sorte
Leila Rego
All Print editora

Ela, Mariana Louveira , formada em turismo, chique de morrer e com uma auto imagem totalmente deslocada do sistema solar. Ou seja, realidade que é bom , nada.
Tudo de Mariana precisa ser perfeito. Qualquer jeito(leia-se qualquer marca)não mora com ela. José Paulino, 25 de março e lojinhas de 1,99 são seus piores pesadelos. Oh gente brega ! Eu nasci para brilhar ! Sou uma estrela ! Minha imagem é tudo ! São algumas frases que Mariana certamente diria.
Apesar de pertencer a ala classe média de Presidente Prudente, Mariana vive um glamour ilusório, aliás , uma vida ilusória.

Ele Eduardo Garcia, lindo médico recém formado e fazendo residência em ginecologia. Quer mais ? Rico e membro da alta sociedade de Prudente. Simplesmente o melhor partido da cidade.
Edu apesar do berço de ouro é uma pessoa simples e batalhadora que aprecia a humildade e os valores éticos das pessoas.

Mariana caiu de amores por Edu antes mesmo de saber dos detalhes. Quando soube então, a perfeição não era capaz de descrever seu namorado. Lindo, gostoso, cheiroso e Rico.
A batalha estava lançada. Uma verdadeira corrida contra o tempo. Qual era o objetivo ? Casamento . Uma palavrinha com 9 letras e com um significado enorme. Morar no centro da cidade em um apartamento de 3 quartos com closet, decolar para a high society de Prudente, fazer muitas viagens nacionais e internacionais de avião e enfim, ser uma dondoca de grife com muito glamour é claro. Porque um amor e uma cabana definitivamente não combinam com Mariana a tão sonhada senhora Eduardo Garcia. Morar em grande estilo vem junto com o pacote Marido Rico .
Isso tá cheirando a golpe do baú ! Será que vai dar certo ?

Ao ser completamente dominada pela sua ambição, Mariana esquece seus valores e princípios e passa a valorizar muito mais o Ter do que o Ser.
Leila em meio a diálogos engraçados e modernos, resgata valores importantíssimos como família, amizade e principalmente sinceridade.
A escrita é bem humorada, atualizada e muito interessante. Impossível parar de ler !
Pensa que essa questão fica chata no livro ? Engano seu ! Leila Rego consegue com maestria, tratar de questões importantes como valores, futilidade e vida de aparências com uma linguagem simples, atual e com muito requinte.
O livro em uma palavra: viciante.

E como quem lê faz seu próprio filme, o meu foi demais. Eu às vezes me via no filme, via as várias Marianas da vida e o Edu. Ah o Edu do filme era lindo, cheiroso ... Só que no meu filme a 25 de março e a José Paulino são paradas obrigatórias !
Que venha logo o Pobre não tem Sorte Vol 2 . Quero saber o que Mariana vai continuar aprontando por aí.

Beijos de fada.
Luka.

Postar um comentário

Posts Recentes

© Quem Lê faz seu Filme - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO