3

A cruz de Morrigan

Trilogia do Círculo
Primeiro livro - A cruz de Morrigan
Nora Roberts
publicado em 2006 USA

Confissão: Comecei a ler esse livro pela curiosidade. Eu queria saber como era a versão da Nora sobre os vampirescos, que cá entre nós, entraram na moda e acho difícil sair tão cedo.
Irlanda, NY , Merlin, gaélico, vampiros, bruxos e viagem no tempo foram coisas que me atraíram. Tudo que eu mais gosto em um livro só. Era demais ! Pois bem, não leia se não estiver com a mente calma porque não é o cd do Latino mas é tudo junto e misturado :) :) Como Nora Roberts é Nora Roberts, eu segui em frente um pouco confusa e me surpreendi viciada e encantada com o enredo.
A cruz de Morrigan é o primeiro livro da Trilogia do Círculo.
Conta o dilema de um bruxo chamado Hoyt que tenta com a ajuda de Morrigan salvar seu irmão Cian das garras da poderosa vampira Lilith.
Lilith mordeu Cian e ele era um deles. Cian viajava no tempo e no espaço. Pois uma vez morto-vivo o tempo não passava da mesma forma. Fora mordido no século XII e poucos dias depois viajara para o século XXI. Cian mostra-nos uma visão moderna dos vampiros. Cian não é vegetariano como os Cullens da Stephenie ou alguns Salvatore da L.J.Smith, mas se nega a morder humanos para alimentar-se e recorre a bolsas de sangue aquecidas em microondas. Chique, não ?

Hoyt trava uma verdadeira jornada com a ajuda de Morrigan para salvar seu irmão e impedir que Lilith domine o mundo e todos os tempos. Jornada com direito a perseguição de vampiros que viram lobos e tudo. Nessa jornada ainda, Hoyt conta com a ajuda de uma bruxa muito especial e de um gênio invejoso, que causa um desejo fulminante em seu ser: Glenna Ward.
Entre a paixão de Hoyt por Glenna e o dever de salvar o mundo das garras de Lilith, Nora Roberts mais uma vez, nos envolve em um universo encantador e viciante.

Como quem lê faz seu próprio filme, A cruz de Morrigan tem magia suficiente para um filme único, com muitos vampiros, Irlanda antiga, NY moderna, paixão, intrigas e cenas dignas de deixar cardiologistas de plantão.

Beijos de fada.

Luka.

Postar um comentário

Posts Recentes

© Quem Lê faz seu Filme - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO